2010

Nos últimos dez anos, o Investimento Social Privado (ISP) ganhou força no Brasil, levando o Terceiro Setor a mudar definitivamente de uma visão assistencialista para uma abordagem estruturante e comprometida com resultados.

As cooperativas ligadas ao PDCIS comemoram a conquista da ISO 9001, certificação reconhecida internacionalmente.

As ações de desenvolvimento sustentável fomentadas pelo PDCIS no Baixo Sul da Bahia são reconhecidas com o Prêmio ao Serviço Público das Nações Unidas.

  • Programa Tributo ao Futuro

    Novas Gerações

     

    Oportunidade de Fazer a Diferença

    O Programa Tributo ao Futuro – Novas Gerações incentiva que Integrantes, empresas parceiras da Organização Odebrecht e demais cidadãos contribuam para transformar a realidade de crianças e adolescentes, financiando projetos socioeducacionais (por meio de doação espontânea e/ou da destinação de parte do Imposto de Renda).

  • Programa Editorial

     

    Oportunidade de Compartilhar Conhecimentos

    O Programa Editorial concentra a administração de mais de 60 títulos de autorias diversas, entre eles, os livros escritos por Norberto Odebrecht e que sistematizam a Tecnologia Empresarial Odebrecht (TEO), valorizando e disseminando essa cultura empresarial.

  • Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado

    com Sustentabilidade (PDCIS)

     

    Oportunidade de Transformar Vidas

    O Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS) tem seu modelo concentrado na região do Baixo Sul da Bahia, onde apoia instituições locais que priorizam o jovem e sua família, representantes da força produtiva e propulsora do desenvolvimento rural.

Quer saber como

fazer parte?

Siga os nossos canais sociais e acompanhe o dia a dia das iniciativas que apoiamos. Você também pode contribuir para a construção de oportunidades que transformam efetivamente a vida de jovens e suas famílias.

 

Participe!

A história da Fundação Odebrecht pode ser conhecida por meio do vídeo "Era uma vez...", produzido em 2015 para celebrar os 50 anos da instituição.

 

A Fundação Emílio Odebrecht adota a denominação Fundação Odebrecht e lança a campanha O Adolescente por uma Escola Melhor.

 

 

A Campanha O Adolescente por uma Escola Melhor premiou as melhores propostas apresentadas por 2.850 jovens de 13 a 18 anos, de 422 municípios, em 19 estados brasileiros. No total, 924 trabalhos foram apresentados.

“O Ser Humano é a origem e o fim de todas as ações na sociedade. E seu trabalho, o meio primordial de sobrevivência, crescimento e perpetuidade da espécie”.

 

Norberto Odebrecht

Sobreviver, Crescer e Perpetuar,

vol. 03, p. 48, 11ª edição

A Aliança contemplou programas de formação integral de adolescentes para que atuassem com autonomia e solidariedade no ambiente rural. Foi desenvolvida em três microrregiões: na Bahia, Pernambuco e Ceará.

2014

Ano Internacional

da Agricultura Familiar

A ONU declara 2014 como o Ano Internacional da Agricultura Familiar e busca sensibilizar sobre a importância da segurança alimentar e produção de alimentos.

Em julho, falece o idealizador e grande incentivador da Fundação, Norberto Odebrecht.

 

 

A Fundação Odebrecht segue com o compromisso de manter vivo seu legado social.

1988

No Brasil, a redemocratização e a Constituição de 1988 favoreceram o surgimento de novos tipos de ações sociais que impulsionaram o terceiro setor.

1999

No final da década de 1990, consolidava-se no Brasil o conceito de responsabilidade social, com a disseminação de organizações sociais não governamentais.

Por meio do Programa Editorial, a Fundação contribui para disseminar a cultura empresarial da Organização Odebrecht. Edita e comercializa livros, dentre eles, os da Tecnologia Empresarial Odebrecht (TEO) em português, inglês e espanhol.

Nasce a então Fundação Emílio Odebrecht para oferecer aos Integrantes da Construtora Norberto Odebrecht e suas famílias benefícios previdenciários, sociais e de saúde.

1965

Benefícios previdenciários

não eram extensivos igualmente a todos os trabalhadores brasileiros.

1995

Em maio de 1995 a internet deixa de ser privilégio das universidades e da iniciativa privada para se tornar de acesso público.

2015

A ONU lança os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável que deverão orientar as políticas e as atividades de cooperação internacionais nos próximos 15 anos.

Fundação muda seu foco e passa a apoiar questões de interesse público.

Casas Familiares ligadas ao PDCIS recebem certificação do Programa de Escolas Associadas (PEA) do Brasil – UNESCO como reconhecimento  pelo incentivo à cultura da sustentabilidade e da paz.

A Fundação define como foco a educação do adolescente para a vida, de modo a promover o protagonismo juvenil. Nesse ano, define sua missão de Educar para Vida, pelo Trabalho, para Valores e superação de Limites.

Prêmio Fundação Emílio Odebrecht passou a estimular o adolescente a refletir sobre questões sociais e a produzir materiais educativos. A Fundação também liderou um grupo de 11 entidades públicas e privadas para promover a recuperação e modernização do Liceu de Artes e Ofícios de Salvador, instituição criada em 1872.

Poucos meses antes das eleições gerais no Brasil, a Fundação Odebrecht, em parceria com o Unicef, lança a campanha Só a Escola Corrige o Brasil, considerando que o maior problema da educação no País era a falta de qualidade no ensino, não a falta de escolas.

 

 

A Educação se transformou em importante tema no horário político gratuito. A campanha Só a Escola Corrige o Brasil foi assistida por mais de 146 milhões de telespectadores.

O Prêmio Fundação Emílio Odebrecht foi criado em convênio com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) para conceder bolsas de pesquisa, patrocínio de trabalhos, encontros e debates sobre questões voltadas ao trabalhador.

 

O fundo de previdência da Fundação assegurava a aposentadoria e educação garantida até a maioridade aos filhos de Integrantes falecidos. Com a criação do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS), a Fundação amplia os serviços de assistência médico-hospitalar, odontológica, farmacêutica, educacional e recreativa.

Em parceria com o BNDES, o Instituto Ayrton Senna e a Fundação Kellogg, a Fundação Odebrecht passa a integrar a Aliança com o Adolescente pelo Desenvolvimento Sustentável no Nordeste.

1983

É criada a Comissão Mundial sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento pela Organização das Nações Unidas (ONU). O novo organismo promoveu discussões nos três setores que resultaram no Relatório Nosso Futuro Comum.

Fundação Odebrecht comemora 50 anos de contínuas transformações, mantendo o foco na sustentabilidade e conectada a um fio condutor que sempre esteve presente: a Família.

Criado o Programa Tributo ao Futuro – Novas Gerações, que reforça o compromisso de todos na formação de uma geração responsável por uma sociedade sustentável.

Norberto Odebrecht cede à Fundação os direitos autorais patrimoniais sobre suas obras.

Colaboradores da Organização Odebrecht e empresas parceiras passaram a contribuir para transformar a realidade de centenas de crianças e adolescentes, por meio de doação ao Fundo da Infância e da Adolescência.

Imagens de Beneficiados

Atuação da Fundação Odebrecht se concentra no Baixo Sul da Bahia, com o objetivo de construir um modelo de desenvolvimento territorial sustentável, promovendo a integração de jovens e suas famílias.

O Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS) atua em quatro frentes: educação contextualizada (apoio a Casas Familiares), geração de trabalho e renda (fomento ao cooperativismo), cidadania e respeito ao meio ambiente.

Essa história não termina aqui. Através do nosso Relatório de Desempenho - A Caminho da Sustentabilidade, você tem acesso a um detalhado resumo das nossas atividades no último ano. Para isso, preencha os campos abaixo com seu nome e e-mail.

 

Boa leitura!

Atualmente, a Fundação Odebrecht coordena três programas e seus esforços estão concentrados na construção de oportunidades para que pessoas possam transformar suas realidades de maneira positiva. Mais do que lembrar o passado ou pensar no presente, a Fundação está de olho no futuro, gerando transformação social.

Navegue abaixo!

Enviando formulário…

O servidor encontrou um erro.

Seu e-mail foi recebido.

Relatório de

Desempenho Anual

Presente

O Brasil na década de 1990

1982

A responsabilidade social ganhou destaque no mundo corporativo, impulsionada por novos temas como a questão ambiental, a inserção definitiva da mulher no mercado de trabalho, as políticas públicas e a ética empresarial.

2003

No ano de 2000, a ONU engajou sociedade civil e governos em prol do desenvolvimento e da erradicação da pobreza no mundo. Surgiam os 8 Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

1994

O Brasil sentia os efeitos da globalização econômica e a abertura comercial impulsionava o desenvolvimento interno, evidenciando a necessidade de mudanças na Educação. Em meados da década, cerca de 15% da população brasileira ainda era analfabeta.

2004

Wangari Maathai, ambientalista e ativista dos direitos humanos, é a primeira mulher africana a receber o Prêmio Nobel da Paz. Destaque para sua contribuição à conservação ambiental e ao respeito às mulheres.

Gostou do Conteúdo?

Em uma escala de 0 a 5 o quanto essa publicação foi interessante para você?

 

Enviando formulário…

O servidor encontrou um erro.

Obrigado!

Norberto Odebrecht cede à Fundação os direitos autorais patrimoniais sobre suas obras.
  • Programa Tributo ao Futuro

    Novas Gerações

     

    Oportunidade de Fazer a Diferença

    O Programa Tributo ao Futuro – Novas Gerações incentiva que Integrantes, empresas parceiras da Organização Odebrecht e demais cidadãos contribuam para transformar a realidade de crianças e adolescentes, financiando projetos socioeducacionais.

  • Programa Editorial

     

    Oportunidade de Compartilhar Conhecimentos

    O Programa Editorial concentra a administração de mais de 60 títulos de autorias diversas, entre eles, os livros escritos por Norberto Odebrecht e que sistematizam a Tecnologia Empresarial Odebrecht (TEO), valorizando e disseminando essa cultura empresarial.

  • Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado

    com Sustentabilidade (PDCIS)

     

    Oportunidade de

    Transformar Vidas

    O Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS) tem seu modelo concentrado na região do Baixo Sul da Bahia, onde apoia instituições locais que priorizam o jovem e sua família, representantes da força produtiva e propulsora do desenvolvimento rural.