Fundação Odebrecht

Projeto - Formação de Adolescentes Futuros Empresários Rurais

Instituição responsável: Casa Familiar Agroflorestal (Cfaf)

Por intermédio deste projeto, os adolescentes, futuros empresários rurais, desenvolvem competências socioeducativas e habilidades técnicas que os permitem dominar tecnologias aplicadas à produção no campo e negócios agroflorestais, com viabilidade econômica, social e ambiental, e assumam a liderança de processos sociais e produtivos em suas comunidades.

A formação trabalha ações socioeducativas nas dimensões social, técnica e produtiva onde aprendem sobre planejamento de produção agroflorestal sustentável, parâmetros físico-químicos do solo, elaboração de planos de ocupação e manejo de propriedades rurais e técnicas aplicados na construção de viveiros e produção de mudas.

Como parte do exercício prático, o projeto oportuniza aos estudantes a elaboração e a implantação de cultivos em suas propriedades que permitem a obtenção de renda e o reinvestimento em novos ciclos produtivos, bem como, atividades nas áreas demonstrativas de apicultura, horticultura, sistemas agroflorestais, fruticultura e agroecologia mantidas pela Casa Familiar Agroflorestal (Cfaf), instituição executora do projeto, que servem como laboratórios para estudos e aplicação de técnicas inovadoras. A partir disso, estimula-se o desenvolvimento e consolidação de uma "cultura rural empreendedora", com foco na geração de trabalho e renda buscando dessa forma a permanência dos adolescentes no campo, a redução do êxodo rural e o desenvolvimento local e regional sustentável, por meio da difusão de tecnologias sustentáveis.

Clique aqui e acesse o projeto na íntegra.

A Cfaf é uma associação de natureza educacional privada fundada em 2005, sem fins lucrativos, reconhecida como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) pelo Ministério da Justiça, credenciada no Conselho Estadual de Educação da Bahia, que oferece um curso de educação profissional de nível técnico em Florestas integrado ao ensino médio regular. A base metodológica é a Pedagogia da Alternância, que consiste na articulação dos saberes entre a teoria e a prática, no espaço e tempo de formação, de forma contextualizada à realidade do campo, onde os estudantes passam uma semana em imersão na Cfaf e duas semanas nas áreas produtivas de suas famílias por um período de três anos, aplicando os conhecimentos.

Formação de Adolescentes - Cfaf

Projetos Apoiados - Em Captação 2019

Anterior Avançar
https://www.fundacaoodebrecht.org.br/Tributo-ao-Futuro/Projetos-Apoiados/Projeto/25/Formacao-de-Adolescentes-Cfaf