Comunicação

11h41

Programa brasileiro para desenvolvimento sustentável do Baixo Sul da Bahia conquista prêmio da ONU

Única iniciativa da América Latina e Caribe a ser premiada impulsiona o desenvolvimento de área rural com baixo índice de desenvolvimento humano

Compartilhe
Tamanho do texto

O Programa de Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Mosaico de Áreas de Proteção Ambiental (APAs) do Baixo Sul da Bahia – PDIS, instituído pela Fundação Odebrecht, comemora a conquista do Prêmio ao Serviço Público das Nações Unidas 2010. O programa foi a única iniciativa na América  Latina e Caribe contemplada nesta sétima edição e será premiado juntamente com outros 21 trabalhos de 15 diferentes países, entre eles, Alemanha, Canadá, Itália, Líbano e Tunísia. A cerimônia acontecerá em Barcelona, na Espanha, no dia 23 de junho, quando é comemorado o Dia do Serviço Público.

Promovida pela Divisão para Administração Pública e Gestão do Desenvolvimento da Organização das Nações Unidas (ONU), a premiação reconhece instituições que contribuíram para melhorar a eficiência da administração pública. Para concorrerem, os trabalhos obrigatoriamente devem ser indicados por outras organizações governamentais ou da sociedade civil.

O PDIS é vencedor com o primeiro lugar na categoria “Melhorando a participação cidadã nos processos de decisões públicas através de mecanismos inovadores”. Com um sistema diferenciado de governança participativa, o programa tem como mérito integrar esforços dos Governos Federal, Estadual e Municipais, da iniciativa privada e da sociedade civil organizada.

José Carlos Santos, presidente da Associação Guardiã da APA do Pratigi – AGIR, OSCIP integrada ao PDIS, receberá o prêmio acompanhado por Antônio Conceição Almeida, prefeito de Ibirapitanga (BA) e vice-presidente do Consórcio Intermunicipal da APA do Pratigi - Ciapra, e Maurício Medeiros, presidente executivo da Fundação Odebrecht.

O Prêmio ao Serviço Público das Nações Unidas tem outras três categorias: melhorando a transparência, responsabilidade e capacidade de resposta no serviço público, gestão do avanço do conhecimento no governo e melhorando a prestação de serviços.

Sobre o Programa:

Desde 2003, a Fundação Odebrecht vem se concentrando na criação de um modelo de desenvolvimento integrado e sustentável capaz de tornar próspera e dinâmica uma área rural com baixo índice de desenvolvimento humano, fixando os jovens talentos no campo.

Para tanto, foi formado um sistema inovador de governança participativa, onde os Governos Federal, Estadual e Municipais, a iniciativa privada e a sociedade civil organizada atuam de forma integrada. As ações privilegiam o jovem e sua interação com a família, transformando a realidade de comunidades da zona rural e promovendo a inclusão social. Os projetos fomentam sinergicamente a geração de trabalho e renda (Capital Produtivo), a educação do campo de qualidade (Capital Humano), a construção de uma sociedade mais justa e solidária (Capital Social) e a conservação de recursos naturais (Capital Ambiental). 

 Em 2009, o PDIS beneficiou direta e indiretamente, mais de 110 mil pessoas.

Mais informações: www.pratigi.org
 

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital