Comunicação

15h12

Visando a qualificação de jovens

Conheça acordo que busca em Nilo Peçanha (BA) incentivar turismo e identidade cultural

Compartilhe
Tamanho do texto
Buscando a qualificação e desenvolvimento de jovens na área de turismo no município de Nilo Peçanha, localizado no Baixo Sul da Bahia – uma das regiões mais ricas em biodiversidade ecológica e cultural do Estado – a Alstom Foundation acaba de firmar um Acordo de Cooperação com o Instituto de Desenvolvimento Sustentável do Baixo Sul (Ides) e a Fundação Odebrecht. O intuito é incentivar que eles se tornem corresponsáveis pelo desenvolvimento de suas comunidades e busquem influenciar na construção da identidade cultural e na definição de políticas públicas locais. 
 
A ação é mais uma parceria da Alstom com o Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade do Mosaico de Áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia (PDCIS), do qual o Ides faz parte, e é fomentado pela Fundação Odebrecht e parceiros públicos e privados. Há quatro anos, a empresa destina parte de seu Imposto de Renda para o PDCIS, por meio do Tributo ao Futuro – programa que permite o investimento em ações que levam educação de qualidade e oportunidades de desenvolvimento profissional a talentos do Baixo Sul.  

Assinado no mês de setembro, durante visita do Presidente da Alstom Brasil, Marcos Costa, à região, a ação terá investimentos de € 80 mil e irá promover expedições patrimoniais buscando difundir e valorizar a regionalização, envolvendo os moradores e reconhecendo lideranças com até 18 anos de idade para a capacitação no turismo. Para isso, serão promovidas oficinas sobre a importância do patrimônio material e imaterial local. “Este projeto contempla o fortalecimento regional e é voltado para crianças e adolescentes”, esclarece Liliana Leite, Diretora Executiva do Ides.

Segundo Clóvis Faleiro Jr., Relações Institucionais da Fundação Odebrecht e Líder do Tributo ao Futuro, o apoio de parceiros como a Alstom colabora para a construção de uma relação de confiança com esse público. "Juntos estamos contribuindo, de modo efetivo, com a transformação social na vida de muitos jovens no Baixo Sul”, destaca.

Durante passagem pela capital baiana, o Presidente Marcos Costa foi recebido no Edifício Sede da Odebrecht por Norberto Odebrecht, Presidente do Conselho de Curadores da Fundação Odebrecht.  A agenda contemplou ainda visita ao Baixo Sul, com passagem pelas unidades de ensino e cooperativas ligadas ao PDCIS.  “Fiquei extremamente emocionado ao ouvir os relatos de quem está aprendendo na prática o que é ser empresário. Aproveitar a riqueza da terra e perpetuar uma nova crença no potencial de desenvolvimento que existe no interior é de fundamental importância", conta Costa.

Criada em 2007, a Alstom Foundation apoia instituições na realização de projetos para preservação do meio ambiente e melhoria das condições de vida de comunidades em diferentes países.
 
 
Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital