Comunicação

12h06

Microsoft fortalece parceria com Fundação Odebrecht

Mais de U$ 1,5 milhão em licenças e softwares para computadores apoiarão acompanhamento de indicadores

Compartilhe
Tamanho do texto

Acreditando que a tecnologia transforma e pode melhorar a vida das pessoas, a Microsoft investe em iniciativas que contribuem para a ampliação dos acessos a informações. Por isso, apoia projetos sociais em todo o mundo. Entre eles, o Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade do Mosaico de Áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia (PDCIS).

Fomentado pela Fundação Odebrecht em conjunto com parceiros públicos e privados, o PDCIS tem como desafio tornar próspera e dinâmica uma área rural com grande patrimônio ambiental, fixando os jovens talentos no campo. Confiando que a capacitação é fundamental para o desenvolvimento pessoal, a Microsoft investe nos projetos apoiados pelo Programa e acaba de ampliar a parceria com a doação de mais de U$ 1,5 milhão em licenças e softwares para computadores.

Parte dos recursos serão destinados para o projeto Caia na Rede, resultado de investimento da Odebrecht S.A., Microsoft, Semp Toshiba, Cisco e Telebras. A iniciativa já beneficiou mais de 4.800 jovens do Baixo Sul e tem como objetivo levar informações e aptidões básicas de computação para uso no cotidiano, além de promover a acessibilidade, potencializando o uso da internet e implantando projetos educacionais que contribuam com a especialização e geração de trabalho e renda.

Além disso, as licenças vão permitir a ampliação no uso do Painel de Indicadores, plataforma Business Intelligence (BI) da Microsoft e implantada em 2013 pela Fundação Odebrecht nas instituições ligadas ao PDCIS. O Painel consolida informações em três sistemas que permitem o acompanhamento em tempo real dos principais indicadores de desempenho do Programa e sua utilização possibilitou a administração dos servidores por terceiros, reduzindo custos e ampliando a performance.


Painel de Indicadores permite que informações e resultados dos cooperados estejam
disponíveis em tempo real para as instituições do PDCIS


A Fundação foi a primeira instituição do terceiro setor a implantar a plataforma e atualmente é citada como um case de sucesso pela Microsoft. “Reduzimos o trabalho manual de levantamento de informações e otimizamos a ação do líder permitindo a análise das informações já consolidadas. Ainda, por meio desta ferramenta, conseguimos uma maior integração das instituições, uma vez que os resultados estão disponíveis para todos”, esclarece Cristina Weber, responsável pela Tecnologia da Informação da Fundação Odebrecht.

Para Juscelino Macedo, Coordenador do Negócio Mandioca e Fruticultura, ligado ao PDCIS, o BI é uma ferramenta de fácil acesso e manuseio. “Nossos integrantes estão muito entusiasmados com sua utilização, pois é por meio dele que os resultados estão sendo disponibilizados de maneira simples e atualizada”.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital