Comunicação

14h37

Interação e troca de experiências marcam quarta edição do PDE Braskem

Jovens das Casas Familiares e Casa Jovem receberam integrantes da Braskem, no município de Presidente Tancredo Neves, para dois dias de debates sobre visão de futuro e o desafio da sustentabilidade.

 “Penso que encontrarei jovens diferenciados e conhecerei pessoas que, com os conhecimentos que estão recebendo, superam desafios e se desenvolvem sem precisar migrar para as grandes capitais”. Esta era a expectativa do argentino Patricio Almuina, Responsável Administrativo e Financeiro dos Escritórios Internacionais da Braskem, durante a viagem a caminho do município de Presidente Tancredo Neves, no dia 22 de agosto.

Patricio faz parte da quarta turma do Programa de Desenvolvimento de Empresários (PDE) da Braskem. O grupo de 40 integrantes da empresa é formado por profissionais de engenharia, administração, contabilidade, comunicação, entre outras áreas. A visita ao Baixo Sul da Bahia, para conhecer alguns dos projetos apoiados pela Fundação Odebrecht, buscou proporcionar a compreensão de como comunidades diferentes vivem e pensam o futuro dentro de uma mesma cultura: a Tecnologia Empresarial Odebrecht. Também permitiu aos participantes entender as estratégias e condições que garantem os resultados do modelo aplicado no Baixo Sul para promoção do desenvolvimento sustentável.

Nos dois dias desse encontro, integrantes da Braskem interagiram com 49 jovens dos projetos Casas Familiares (Rural de Presidente Tancredo Neves; do Mar; Agroflorestal e Rural de Igrapiúna) e da Casa Jovem. “Somos uma empresa de pessoas e o que mais fazemos é nos relacionar com pessoas. Viemos aqui para aprender com vocês como sonhar melhor o sonho dos nossos clientes”, disse Frank Alcantara, da área de Marketing Institucional da Braskem, na abertura do evento.

“Temos orgulho do que vocês, jovens, fazem pelo desenvolvimento desta região e estamos aqui para trocar experiências”, completou Moisés Swirski, coordenador acadêmico do PDE. Jean Santos, 15 anos, aluno do Colégio Estadual Casa Jovem, tinha uma mensagem especial para passar aos visitantes. “Aprendi, ao ler o livro Fernão Capelo Gaivota, que os limites da minha vida não são impostos pelos outros, mas por mim mesmo. Quero compartilhar isso com os meus novos amigos”, conta Jean que participa também do projeto Círculos de Leitura. [Leia mais sobre esta iniciativa]

No dia 23 de agosto, todos participaram de um bate-papo com o fundador da Organização Odebrecht, Norberto Odebrecht, e falaram sobre visão de futuro, a responsabilidade social do empresário e o desafio da sustentabilidade.

“As minhas expectativas foram superadas”, afirmou Patricio Almuina ao final do evento. “A paixão que esses jovens têm pelas suas comunidades e pelo trabalho que fazem é incrível. Eles têm sonhos que para nós são muito simples, mas que não conseguimos perceber o valor no dia a dia. Foi uma experiência muito rica”, concluiu.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital