Comunicação

13h56

Projetos educacionais recebem computadores do Caia na Rede

Parceria entre a Construtora Norberto Odebrecht, Microsoft, Dell e Oi beneficia jovens das Casas Familiares e Casa Jovem com iniciativa que promove a inclusão digital.

Um convênio assinado em maio deste ano anunciou a proposta de expansão do Projeto Caia na Rede. A Construtora Norberto Odebrecht, a Microsoft Brasil, a Dell Computadores, a Oi Telecomunicações e a Fundação Odebrecht firmavam um acordo inédito de cooperação com o objetivo de promover a inclusão digital de cerca de 2.500 crianças, jovens e adultos do Baixo Sul da Bahia.

No mês de agosto, o convênio ganhou vida com a entrega de 151 computadores doados pela Dell. Destes, 101 foram destinados para a Casa Jovem e quatro Casas Familiares (Rural de Tancredo Neves, do Mar de Cairu, Agroflorestal de Nilo Peçanha e Rural de Igrapiúna), projetos educacionais apoiados pela Fundação Odebrecht. O Instituto de Desenvolvimento Sustentável do Baixo Sul da Bahia (Ides) e o Tiro de Guerra de Valença também receberam, no total, 50 máquinas. Os equipamentos doados ao Ides estarão à disposição para uso de parceiros como prefeituras e secretarias municipais.

“A parceria vai permitir colocar a tecnologia a serviço da educação e da geração de trabalho e renda, possibilitando a construção de diversas oportunidades de utilização do conhecimento”, afirma Clovis Faleiro, Responsável por Relações Institucionais na Fundação Odebrecht.

Roberto Cezar, coordenador do Projeto Caia na Rede no Baixo Sul, explica que, entre agosto e setembro, foram realizadas aulas inaugurais em todos os locais onde houve entrega de computadores. “Nesses eventos, explicávamos aos jovens beneficiados o que é o projeto, o cenário da exclusão digital no Brasil e de que forma esta iniciativa pode contribuir no desenvolvimento da vida acadêmica e profissional de cada um”.

Na oportunidade, também foi apresentado o curso de Alfabetização Digital oferecido pela Microsoft que permite a qualquer pessoa, independentemente do grau de familiaridade ou experiência em computação, adquirir conhecimentos básicos de informática. “Computadores por si não geram transformação social, mas são instrumentos que podem ser usados a serviço do desenvolvimento das pessoas e suas comunidades”, defende Roberto Cezar.

Monitores das Casas Familiares e professores da Casa Jovem já foram capacitados para acompanharem os alunos durante as atividades do curso de Alfabetização. Aqueles que concluírem os cinco módulos, num total de 15 horas, farão uma avaliação online e, se aprovados, receberão um certificado da Microsoft. A conectividade via internet está sendo viabilizada com o apoio da Oi.

Além do Baixo Sul da Bahia, o Caia na Rede também atenderá integrantes de 43 canteiros de obras da Construtora Norberto Odebrecht e moradores do entorno, beneficiando mais de 22.500 pessoas em todo o Brasil.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital