Comunicação

15h32

Jovens do Baixo Sul da Bahia mobilizam comunidade para ações voluntárias

Conheça iniciativa, intitulada Protagonismo Juvenil, que visa contribuir para a construção de uma nova realidade local por meio da realização de projetos socioambientais, como de reflorestamento

Contribuir para a construção de uma nova realidade local foi o que motivou sete jovens da Casa Familiar Agroflorestal (Cfaf) a idealizarem o Projeto Protagonismo Juvenil. Palestras, seminários e reflorestamento de áreas degradadas são as principais iniciativas de conscientização ambiental realizadas na comunidade de São Benedito, localizada no município de Nilo Peçanha, na Bahia.

Samuel Melo, 15 anos, conta que foram as necessidades identificadas na comunidade que incentivaram a criação do projeto. “Com os ensinamentos que tivemos acesso na Cfaf, percebemos que São Benedito estava precisando de cuidados com o meio ambiente. Essa foi a maneira que encontramos de fazer a diferença”, diz o jovem, que reside no local.

Para João Victor Moreira, é um orgulho fazer parte dessa iniciativa. “É uma honra ser um dos idealizadores do projeto e poder participar ativamente do desenvolvimento da minha comunidade”, relata. Por meio de ações voluntárias, os jovens já envolveram os moradores em seis palestras e seminários socioambientais, além de mobilizar a plantação de 210 mudas de árvores na região.

Para isso, precisaram buscar o apoio de parceiros locais. Eroilton Santos, Diretor Presidente da Rádio Paraíso FM, é um deles. “Está sendo fantástico o trabalho desses jovens. Atitudes assim contribuem com o nosso desenvolvimento e semeiam um futuro melhor para todos”, acredita.

Samuel conta que o grupo já pensa na ampliação do projeto, que tem como finalidade servir de exemplo para outras comunidades. “Pretendemos expandir e tornar o nosso trabalho reconhecido em todo o Baixo Sul da Bahia”, ressalta Samuel.
As ações fomentadas pelo grupo podem ser acompanhadas por meio de um blog criado pelos jovens da Cfaf.

Casa Familiar Agroflorestal
A Cfaf está ligada ao Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade do Mosaico de Áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia (PDCIS), fomentado pela Fundação Odebrecht e parceiros públicos e privados. Essa unidade oferece o Ensino Médio integrado ao técnico em Florestas. Durante três anos, seus alunos aprendem administração rural, cooperativismo, manejo de solos, irrigação, drenagens, além dos mais diversos cultivos.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital