18h06

Tributo ao Futuro encerra 2006 arrecadando mais de R$ 140 mil

Os projetos Casa Familiar Rural e Instituto Direito e Cidadania serão beneficiados com a verba.

Compartilhe
Tamanho do texto

A primeira etapa da campanha pelo programa Tributo ao Futuro foi concluída no dia 31 de dezembro. Até esta data, a arrecadação ultrapassou o valor de R$ 140 mil, que serão distribuídos entre os projetos Casa Familiar Rural, sediado no município de Presidente Tancredo Neves, e Instituto Direito e Cidadania, que atua no desenvolvimento de Políticas Públicas para a Infância e a Adolescência na região do Baixo Sul.

Estes projetos integram o Programa de Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Baixo Sul da Bahia - DIS Baixo Sul, apoiado pela Fundação Odebrecht, em parceira com o Governo da Bahia, Associação de Municípios do Baixo Sul da Bahia (Amubs) e Instituto de Desenvolvimento Sustentável do Baixo Sul (Ides).

Realizada durante dois meses, a campanha foi considerada como bem sucedida pela líder do programa, Ticiana Leon. “Foi feito um esforço concentrado para informar os Integrantes sobre a causa e mobilizá-los em prol dela. Tivemos destaque em meios de comunicação da Organização Odebrecht, como a revista Odebrecht Informa e websites”, avaliou Ticiana.

As doações ainda podem ser feitas. O Integrante pode fazer o investimento em parcelas mensais ao longo do ano, para que os projetos aprovados pelo Fundo da Infância e Adolescência (FIA) do município de Tancredo Neves estejam sempre capitalizados. “Cabe ressaltar que quem fez doações até 31 de dezembro terá rendimentos de 1,03% mensais, até a restituição do Imposto de Renda”, concluiu.

Para saber como doar e obter mais informações sobre o Programa Tributo ao Futuro, acesse www.tributoaofuturo.org.br.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital