22h25

DIS Cidadão movimenta município de Camamu

Ação marca o aniversário de 116 anos do município, comemorado com mutirão de cidadania e mais de 7.700 atendimentos.

Compartilhe
Tamanho do texto

O município de Camamu, localizado na região do Baixo Sul da Bahia, comemorou seus 116 anos com um mutirão de cidadania. Durante os dias 27 e 28 de junho, o DIS Cidadão, ação itinerante capitaneada pelo Instituto Direito e Cidadania (IDC), ofereceu serviços gratuitos para a população.

Mais de 7.700 atendimentos foram realizados nos dois dias do evento. Além de atividades recreativas para crianças e apresentações de grupos culturais locais, a comunidade de Camamu foi beneficiada com serviços para obtenção de documentação civil básica (carteira de identidade e de trabalho, alistamento militar, CPF, título eleitoral), atendimento jurídico e social, medicina preventiva e estética. Cerca de 300 pessoas participaram do curso “Alimentação Inteligente”, do programa Cozinha Brasil, desenvolvido pelo Serviço Social da Indústria da Bahia (SESI-Ba), que oferece aulas sobre segurança alimentar, educação nutricional, redução de desperdício e economia doméstica.

“Além de viabilizar o acesso da população de baixa renda aos seus direitos básicos, queremos que a nossa atuação seja também educativa, estimulando a preservação do meio ambiente, a prática do voluntariado e a pró-atividade dos próprios habitantes”, declarou Liliana Leite, diretora executiva do IDC.

Criado em 2005, pelo IDC, o DIS Cidadão tem como proposta facilitar e estimular o exercício da cidadania. A idéia surgiu quando foi constatado que as grandes causas para o alto índice de cidadãos sem documentação civil básica eram a distância dos postos de atendimento, a situação financeira desfavorável e a falta de informação. Esta foi a oitava edição do DIS Cidadão, que somada às outras ações itinerantes realizadas pelo IDC, desde 2005, totalizam cerca de 36.000 atendimentos.

O sucesso da iniciativa se deve à união da sociedade civil, do Poder Público e do setor privado. “Todos estão entusiasmados e envolvidos, provando que a construção de uma sociedade mais justa só pode se dar com a união dessas forças”, ressaltou Liliana. Equipes do DIS Baixo Sul - Programa de Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Baixo Sul da Bahia, servidores municipais e a comunidade local formaram o efetivo de voluntários que trabalharam nessa ação.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital