16h25

Projetos do DIS Baixo Sul recebem ministros angolanos

Marcelo Odebrecht, Líder Empresarial de Engenharia e Construção, e Luiz Mameri, Líder da Odebrecht em Angola, também participaram da visita.

Compartilhe
Tamanho do texto

As ações implementadas no Baixo Sul da Bahia, fomentadas pelo Programa de Desenvolvimento Integrado e Sustentável - DIS Baixo Sul, foram apresentadas aos ministros angolanos de Energia e Águas, José Maria Botelho de Vasconcelos, e da Indústria, Joaquim David, no dia 17 de janeiro.

Acompanhando os ministros estavam Luiz Mameri, Líder da Odebrecht em Angola, e Marcelo Odebrecht, Líder Empresarial da Odebrecht Engenharia e Construção, que pela primeira vez visitou os projetos apoiados pela Fundação Odebrecht na região do Baixo Sul da Bahia. A comitiva foi recebida por Norberto Odebrecht e Maurício Medeiros, respectivamente Presidente do Conselho de Curadores e Presidente Executivo da Fundação Odebrecht.

Eles conheceram, pela manhã, a sede da Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves. Jovens da Casa e lideranças locais participaram do encontro. Maurício Medeiros fez uma pequena apresentação sobre o Programa DIS Baixo Sul focando na missão da Fundação Odebrecht que é a educação de jovens para a vida, pelo trabalho e para valores. Uma passagem pelas fábricas de farinha e farelo de folha da Coopatan, cooperativa que lidera a cadeia produtiva da mandioca na região, também fez parte do roteiro.

Em 2003, a Odebrecht chegou a Benguela, a segunda mais importante cidade de Angola. O Projeto Águas de Benguela, do Ministério de Energia e Água de Angola, teve sua primeira fase concluída pela Odebrecht no fim de novembro de 2007. Beneficiou um milhão de pessoas residentes nas cidades de Lobito, Catumbela, Benguela e Baía Farta. A segunda fase do projeto atenderá os demais 700 mil habitantes da região com a construção de mais 200 km de rede de água, para a universalização do fornecimento, num prazo de 18 meses.

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital