07h00

Parceria entre CGU e IDC realiza curso do Programa Olho Vivo no Dinheiro Público

Lideranças locais, agentes públicos e conselheiros municipais participaram de seminário promovido pela Controladoria-Geral da União.

Compartilhe
Tamanho do texto

A Casa Familiar Rural do município de Presidente Tancredo Neves sediou, entre os dias 27 e 30 de abril, o curso presencial do Programa Olho Vivo no Dinheiro Público. Desenvolvido pela Controladoria-Geral da União (CGU), o programa foi levado à região com o apoio do Instituto Direito e Cidadania (IDC). Cerca de 180 pessoas participaram do evento.

O objetivo do curso é sensibilizar e orientar conselheiros municipais, lideranças locais e agentes públicos sobre a importância da transparência na administração pública, da responsabilidade e do cumprimento dos dispositivos legais. Os temas são trabalhados por meio de uma metodologia diferenciada como explica o auditor e ex-chefe da CGU/BA, Francisco Carlos Silva. “Tratamos de elementos conceituais relacionados à ética e cidadania. O processo se dá com base na educação de adultos e no construtivismo, ou seja, os conceitos vão sendo apresentados e debatidos com a participação do público”.

Ainda segundo Francisco Carlos, a parceria com o IDC foi fundamental para a mobilização da comunidade. “É importante o envolvimento das entidades locais, pois isso permite que os resultados realmente se consolidem e os agentes tenham a percepção de que a sociedade está envolvida”, afirma Francisco Carlos.

Aos dois primeiros dias do evento estiveram presentes agentes e gestores municipais. Foram trabalhadas diretrizes técnicas sobre peças orçamentárias, prestação de contas e licitação.  Conselheiros municipais dos onze municípios do Baixo Sul participaram do curso nos dias 29 e 30 de abril. “Com este grupo, além de discutirmos a legislação, abordamos a importância do controle social”, conta Maria Celeste Pereira, Diretora Executiva do IDC. Para ela, o seminário permitiu a troca de experiências e a valorização dos conhecimentos dos participantes. “Os conteúdos são adaptados às realidades dos municípios e isto estimula para uma constante atualização da aprendizagem”, conclui.

Na cerimônia de abertura do evento, na manhã do dia 27, estiveram presentes diversas autoridades locais, como o Prefeito de Presidente Tancredo Neves, José Paulo dos Santos; o Prefeito de Igrapiúna, Edmundo Dócio; o Presidente da Câmara de Vereadores de Tancredo Neves, Roberval Brito; o Secretário de Controle Externo do Tribunal de Contas da União / Bahia, Antônio França; o Gerente do Tribunal de Contas do Estado da Bahia, Iyri Moisés; além de vereadores e secretários municipais do Baixo Sul da Bahia e de Wenceslau Guimarães, Gandu e Teolândia.

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital