15h36

Aliança Cooperativa motiva encontro entre parceiro social e pequenos agricultores

Representantes da Perini, rede de delicatessen baiana, conheceram o processo de produção e beneficiamento do palmito de pupunha na região do Baixo Sul da Bahia.

Compartilhe
Tamanho do texto

Promover inclusão social e geração de trabalho e renda digna às famílias de produtores agrícolas do Baixo Sul da Bahia, estabelecendo uma relação sinérgica entre os três setores da economia. Este é o grande desafio proposto com a implantação do sistema de Aliança Cooperativa, no qual identidades jurídicas próprias se unem em prol de uma causa social comum: Cooperativas de produtores rurais – setor primário; Indústria de beneficiamento – setor secundário; e Parceiro social – setor terciário.

Na busca por fortalecer parcerias que já contribuem na consolidação do modelo da Aliança Cooperativa, representantes da Fundação Odebrecht convidaram Pepe Faro e Roberto Adami, respectivamente, Presidente e Diretor Comercial da Perini, para uma visita a alguns projetos em andamento no Baixo Sul da Bahia. Pela Fundação, acompanharam: Norberto Odebrecht, Presidente do Conselho de Curadores; Victor Gradin, Conselheiro; Maurício Medeiros, Presidente Executivo; e Roberto Lessa, responsável pelo Núcleo de Aliança Cooperativa.

A Perini é uma rede baiana de delicatessens e docerias, atualmente com oito lojas em Salvador, que apoia as cooperativas ligadas ao Programa de Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Baixo Sul da Bahia desde 2008. Durante a visita, realizada no dia 21 de agosto, Pepe Faro e Roberto Adami conheceram a comunidade do assentamento Mata do Sossego em Igrapiúna. Após mais de três anos de trabalho, o local apresenta uma produtividade similar a da iniciativa privada na região, com um aumento na renda média mensal familiar dos pequenos produtores de R$ 150 para R$ 700 com a lavoura de pupunha. Os empresários também conheceram o processo de beneficiamento do palmito, serviço prestado à Cooperativa dos Produtores de Palmito do Baixo Sul (Coopalm) pela Ambial, indústria parceira da iniciativa e integrante da Aliança no setor secundário, sediada também no município de Igrapiúna.

Para melhorar e multiplicar o conhecimento, novas gerações estão sendo educadas para a vida, pelo trabalho e para valores, em projetos com diferentes metodologias. No Colégio Estadual Casa Jovem, Faro e Adami puderam entender de que maneira a educação integral está conciliada com a educação do campo de qualidade. Já na Casa Familiar Rural de Igrapiúna, que utiliza a Pedagogia da Alternância, eles interagiram com jovens que estão sendo formados como agentes do desenvolvimento local.

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital