17h49

Ministério da Pesca e Aquicultura e Associações do Baixo Sul firmam parceria

Termo de Cooperação Técnica foi assinado no dia 14 de setembro durante visita do Ministro Altemir Gregolin.

Compartilhe
Tamanho do texto

Fomentar a inclusão social produtiva e o desenvolvimento sustentável. Estas são as premissas que motivaram a assinatura de um Termo de Cooperação Técnica entre o Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA), a Associação Guardiã da Área de Proteção Ambiental do Pratigi (Agir) e a Associação para a Produção Sustentável (APS).

A parceria tem como finalidade elaborar, implementar e operar atividades voltadas para a aquicultura, alavancando o desenvolvimento empresarial e social no Estado da Bahia. Prevê, entre outras ações, aporte de recursos para capacitação em associativismo e gestão de negócios para a produção sustentável, bem como para publicação de material didático, assistência técnica e apoio na comercialização do pescado produzido.

Altemir Gregolin, Ministro da Pesca, e Fausto Azevedo, Diretor Executivo da Agir e da APS, formalizaram a parceria no dia 14 de setembro durante visita dos representantes do MPA aos projetos apoiados pela Fundação Odebrecht no Baixo Sul da Bahia. Na ocasião, foi apresentado o sistema de Aliança Cooperativa, no qual identidades jurídicas próprias se unem em prol de uma causa social comum. Cooperativas de produtores (setor primário), Indústria de beneficiamento (setor secundário) e Parceiro Social (setor terciário), juntos, geram trabalho e renda digna às famílias da região.

No município de Cairu, Gregolin interagiu com duas gerações de produtores: pais de família associados à Cooperativa Mista de Marisqueiros, Pescadores e Aquicultores do Baixo Sul da Bahia (Coopemar) e jovens da Casa Familiar do Mar (CFM), que estão sendo formados para atuarem como agentes de desenvolvimento local. Almiro Senna, Líder da Aliança Cooperativa da Aquicultura, destaca a importância deste encontro, especialmente para os jovens. “O Ministro lembrou que eles devem difundir em suas comunidades o conhecimento adquirido. A mensagem passada está sendo reforçada pelos monitores da Casa, e, certamente, nossos jovens se sentem mais motivados para cumprirem sua missão”, afirma Senna.

Pelo MPA, acompanharam o Ministro Altemir Gregolin: Marcelino Galo, Superintendente do MPA na Bahia, e Mauricio Ataide, Assessor da Coordenação de Relações Públicas do MPA. Representando a Fundação Odebrecht estavam Maurício Medeiros e Norberto Odebrecht, respectivamente, Presidente Executivo e Presidente do Conselho de Curadores.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital