10h19

Processo industrial do palmito Cultiverde obtém selo ISO 22000

Certificação tem reconhecimento mundial e atesta o sistema de segurança alimentar

Compartilhe
Tamanho do texto

O processo industrial do palmito Cultiverde, produzido pelas mais de 450 famílias integrantes da Cooperativa dos Produtores de Palmito do Baixo Sul (Coopalm), recebeu mais um certificado, a série ISO 22000. Este selo, concedido pelo Grupo Bureau Veritas Certification, tem reconhecimento mundial, o que contribui para o aumento de credibilidade frente ao mercado consumidor.   

A Ambial, indústria prestadora de serviços parceira da Coopalm e responsável pelo beneficiamento do palmito, foi certificada em 04 de dezembro de 2009. A ISO 22000 atesta o sistema de segurança de alimentos de maneira mais completa que os selos, obtidos desde 2003, ISO 9001 (qualidade) e HACCP (Plano de análise de perigos e pontos críticos de controle).

Com a ISO 22000 integrando o quadro de certificações da Ambial, esta passou a ser a única agroindústria de palmito em conserva a obtê-la. “Esta é uma forma de validar a qualidade dos nossos serviços, bem como a constante preocupação que temos em oferecer um alimento seguro ao consumidor”, afirma Silene Garcia, Líder Empresarial da Ambial. A ISO 14001 (compromisso com o meio ambiente) e o selo Rainforest Alliance Certified (produtos agrícolas de origem responsável) também já foram conquistados pelo processo industrial do palmito Cultiverde.

Onde encontrar os produtos Cultiverde:

 Wal-Mart Nordeste – Rede Bompreço e Maxxi Atacados;
 Rede GBarbosa - Nordeste;
 Perini - Bahia;
 Grupo Pão de Açucar - Brasil;
 Alter Eco (Fair Trade Internacional - Europa);
 ASSAI - SP;
 Casa Santa Luzia - SP;
 Extra – Brasil;

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital