14h10

PDIS é reconhecido com Prêmio ao Serviço Público das Nações Unidas

Representantes do Poder Público, Fundação Odebrecht e comunidades do Baixo Sul da Bahia participam de cerimônia realizada em Barcelona (Espanha)

Compartilhe
Tamanho do texto

O Programa de Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Mosaico de áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia – PDIS, instituído pela Fundação Odebrecht, comemora a conquista do Prêmio ao Serviço Público das Nações Unidas 2010. A cerimônia aconteceu no dia 23 de junho, quando é comemorado o Dia do Serviço Público, e reuniu em Barcelona, na Espanha, outros 21 trabalhos de 15 diferentes países, entre eles, Alemanha, Canadá, Itália, Líbano e Tunísia.

Em seu discurso de abertura, Sha Zukang, Subsecretário Geral de Desenvolvimento Econômico e Social das Nações Unidas, comentou sobre os trabalhos apresentados. “Os vencedores deste ano mostraram dedicação e deram exemplo de eficiência. Eles estão ajudando os governos a melhorar a vida de pessoas por todo o mundo e nos fazem pensar de maneira criativa", destaca Zukang. 

Promovida pela Divisão para Administração Pública e Gestão do Desenvolvimento da Organização das Nações Unidas (ONU), a iniciativa reconhece instituições que contribuíram para melhorar a eficiência da administração pública. O PDIS foi a única ação reconhecida na América Latina e Caribe e vencedor com o primeiro lugar na categoria “Melhorando a participação cidadã nos processos de decisões públicas através de mecanismos inovadores”.

Na cerimônia, estavam presentes José Carlos Santos, presidente da Associação Guardiã da área de Proteção Ambiental do Pratigi (Agir), Antônio Conceição Almeida, prefeito de Ibirapitanga (BA) e vice-presidente do Consórcio Intermunicipal da APA do Pratigi, Manoel Vitório, secretário da Administração da Bahia, e Maurício Medeiros, presidente executivo da Fundação Odebrecht.

Para José Carlos Santos, este prêmio simboliza o respeito pelas comunidades rurais, a união que existe entre elas e a vontade de vencer. "Vamos multiplicar essa dedicação e fazer valer este prêmio ganho pelo Baixo Sul, pela Bahia e pelo Brasil”, reforça o presidente da Agir.

“O grande diferencial do Programa é seu sistema inovador de governança participativa que cria um espaço sinérgico, colaborativo de construção de iniciativas sociais e traz benefícios para todas as partes envolvidas”, afirma Medeiros. Segundo ele, o capital social se fortalece quando há a oportunidade de governos, sociedade civil e empresas atuarem juntos.

Na ocasião também esteve presente a jovem Pedrina Belém do Rosário, beneficiária do PDIS. Aos 21 anos, ela é ex-aluna da Casa Familiar Agroflorestal, uma das unidades de ensino do programa, que tem como responsabilidade a formação dos jovens do Baixo Sul. Atualmente, Pedrina integra a equipe do Instituto Direito e Cidadania e apoia a mobilização de agricultores para participarem do Programa de Aquisição de Alimentos, uma ação de política pública do Governo Federal voltada para o combate à fome e distribuição de renda.

“A ONU é uma instituição mundial que luta pela construção de um futuro melhor, com igualdade e direitos humanos. Isso só confere ao prêmio maior importância. Acredito que este reconhecimento contribuirá para a consolidação e visibilidade de todo o modelo sustentável que está sendo trabalhado”, comemora Pedrina.

Sobre o Programa:

O PDIS busca tornar próspera e dinâmica uma área rural com baixo índice de desenvolvimento humano e fixar no campo os jovens talentos. Para isso, o programa conta com o apoio de diversos atores e parceiros sociais movidos por um objetivo comum, superior e nobre: contribuir para construção de uma população regional estruturada em unidades-família, protagonista do próprio desenvolvimento. No final de 2009, um Acordo de Cooperação Técnica e Financeira foi firmado com o BNDES para investimentos em projetos sociais, produtivos e ambientais viabilizando assim a ampliação das ações.
 

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital