14h59

Edição 150 - Uma doce presença

Nubinha, como é chamada carinhosamente pelos colegas, contribui para um ambiente harmônico e produtivo na Fundação Odebrecht

Compartilhe
Tamanho do texto

texto: Gabriela Vasconcellos e Vivian Barbosa
foto: Almir Bindilatti

Núbia: “Sou uma vencedora”

Era com bonecas feitas de sabugo de milho e de pano que Núbia Maria Almeida brincava quando criança. Ainda menina, sonhava em ser policial militar, por achar bonita a farda. A mais velha dos seis filhos de Maria Vitória (Vivi), Núbia precisou trabalhar desde cedo, ajudando sua mãe na venda de acarajé nas praias de Salvador. Nos dias de folga, elas pescavam para alimentar a família e compensar a ausência do pai. “Mainha”, como carinhosamente chamava a mãe, era quem fazia suas bonecas.

Considerada por seus companheiros de trabalho a personificação do Espírito de Servir, Núbia, 46 anos, é Recepcionista da Fundação Odebrecht. “Todos têm muita admiração por ela, inclusive integrantes de outras empresas”, assegura Daniela Ceccotti, sua Líder. Núbia garante ter herdado todo o bom humor e carisma de sua mãe, e também os dotes culinários. Mas, além das iguarias da terra, o que é que tem no tabuleiro da baiana Núbia? “Amor, carinho e muita vontade de ajudar. Mainha sempre foi assim. Mesmo com a situação difícil, dividia o pouco que nós tínhamos. Era muito lutadora”, revela emocionada.

Novo lar
Foi 18 de dezembro de 1985 seu primeiro dia de trabalho na Odebrecht S.A. O então Administrador do Escritório Salvador lhe arranjara o emprego. Servir café e água no terceiro andar era sua função. “Nunca tinha segurado uma bandeja na vida! Minhas mãos tremiam”, recorda, sorrindo. Mesmo com o novo serviço, continuou ajudando sua mãe nos fins de semana. Durante as férias, a pedido dos colegas de trabalho, vendia acarajé em um estacionamento próximo ao Edifício-Sede da Odebrecht. Vestia-se de baiana e substituía a mãe quando esta não podia comparecer.

Com o apoio da empresa, voltou a estudar e concluiu o Ensino Médio. Permaneceu como Garçonete até 1999, quando foi promovida a Recepcionista, por indicação de Hebe Meyer, Assessora do Presidente do Conselho de Curadores da Fundação Odebrecht, Norberto Odebrecht. Segundo Hebe, Núbia foi conquistando a todos com o seu desprendimento e disposição para aprender. “Certa ocasião, em decorrência de remanejamentos na Equipe da Fundação Odebrecht, Dr. Norberto foi enfático: ‘Núbia é diferenciada’. Segundo a Tecnologia Empresarial Odebrecht (TEO), isso quer dizer que ela reúne as três grandes virtudes: Simplicidade, Humildade e Espírito de Servir”, afirma.

Em sua rotina diária, Núbia recebe os visitantes, cuida da distribuição da correspondência e da reserva de salas de reunião, atende a telefonemas e a demandas dos Integrantes. Entre suas responsabilidades também está o apoio ao Programa de venda de livros da TEO.

Sempre sorridente e saudando a todos com um alegre “Bom dia”, Nubinha, como é chamada carinhosamente pelos colegas, contribui para um ambiente harmônico e produtivo. Os novos Integrantes recebem uma atenção especial. “Quando ainda estava participando do processo seletivo, foi atenciosa e torcia por mim. Em meu primeiro dia, me ajudou a me sentir em casa”, conta Leandro Marcondes, Estagiário da Fundação desde março de 2010.

Base que não muda
Há quase 25 anos na Organização, Núbia não pensa em aposentadoria. “Já viu Dr. Norberto parar? Olha o exemplo!”, comenta entusiasmada. Com planos de voltar a estudar, diz que está adiando esse sonho por um tempo. Além de cuidar da casa, do marido Germiniano – também Integrante da Odebrecht – e de duas filhas, Jéssica e Fabiana (esta última, da equipe da Odebrecht Realizações Imobiliárias – OR), ainda toma conta da avó, de 107 anos, prepara bolos e outras delícias sob encomenda.

Mesmo tendo passado por uma infância dura e repleta de limitações, Núbia frisa que nunca se deixou abater. “Sou vitoriosa, como minha mãe foi no nome e na vida. Não queria que minhas filhas passassem pelo mesmo que eu. Pude dar bonecas de verdade para elas.”


Acesse aqui

Edição 150 - Uma doce presença
Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital