15h55

Novas oportunidades fortalecem aquicultura

Durante a III Aquapescabrasil, Cooperativa dos Aquicultores de Águas Continentais e Casa Familiar das Águas do Baixo Sul da Bahia formalizam importantes convênios para aprimorar o trabalho do produtor no interior do Estado

Compartilhe
Tamanho do texto

Muita gente quando criança já ouviu suas mães ditarem a expressão “peixe faz bem para a saúde”. E faz mesmo. De acordo com o Guia Alimentar para a População Brasileira, lançado pelo Ministério da Saúde em 2005, comer pescado frequentemente previne doenças cardiovasculares, diminui o nível de colesterol e ativa a memória. Além disso, a previsão da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) é de que, até 2030, a demanda internacional de pescado aumente em mais 100 milhões de toneladas por ano. Para a FAO, o Brasil poderá se tornar um dos maiores produtores do mundo até 2030, ano em que a produção pesqueira nacional teria condições de atingir 20 milhões de toneladas.

Para acompanhar esse cenário, a Cooperativa dos Aquicultores de Águas Continentais (Coopecon) formalizou importante convênio com Walmart Brasil, Universidade Estadual de Santa Cruz e Casa Familiar das Águas do Baixo Sul da Bahia (CFA) durante a 3ª edição da Feira Internacional da Pesca e Aquicultura (Aquapescabrasil), em Salvador (BA). A parceria busca diversificar a produção dos aquicultores por viabilizar a realização de pesquisa científica para o desenvolvimento de dois tipos de tilápia na Bahia: a salmonada e a enriquecida com ômega 3. “É com grande satisfação que participamos desse momento em prol do desenvolvimento e crescimento do Baixo Sul. Além de ter a oportunidade de oferecer aos nossos clientes produtos de qualidade certificada”, atestou Maurício Almada, diretor comercial do Walmart Brasil. Adriano Freire, Líder da Aliança Cooperativa Estratégica da Aquicultura, completou: “Esses momentos são fundamentais, pois estamos aproximando o aquicultor da zona rural com quem comercializa e compra seus produtos”.

Na ocasião, também foi assinado um protocolo de intenções que envolve a Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária, por meio da Bahia Pesca, a empresa de rações Pratigi Alimentos e a CFA. A parceria consiste na elaboração de pesquisa para a criação do beijupirá em tanques-rede e no desenvolvimento de ração apropriada para o peixe. “A tilápia, em um ano, pesa 1 kg. O beijupirá, no mesmo período, atinge 6 kg. Diante disso, o nosso desafio é ter mais rentabilidade com o custo de produção reduzido e, para isso, é preciso realizarmos pesquisas”, destacou o presidente da Bahia Pesca Isaac Albagli. “Temos o ambiente favorável para isso e tenho certeza que os pescadores conseguirão implementar esse trabalho”, pontuou Zenaide dos Santos, presidente do Conselho Deliberativo da CFA.

A Casa Familiar e a Coopecon formam a Aliança Cooperativa Estratégica da Aquicultura, ligada ao Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade do Mosaico de Áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia (PDCIS). No PDCIS, iniciativa fomentada pela Fundação Odebrecht, parceiros do poder público e iniciativa privada, o sistema da Aliança contribui com geração de trabalho e renda para produtores rurais e educação do campo de qualidade para jovens da região. E para abordar melhor esse tema, Adriano Freire conduziu a palestra Modelo de Inclusão Social em Aquicultura, realizada no primeiro dia da Feira.


Zenaide dos Santos e José Raimundo, respectivamente, da Casa Familiar das Águas do Baixo Sul da Bahia e da Cooperativa dos Aquicultores de Águas Continentais 

Evento
A Aquapescabrasil, realizada pela primeira vez em Salvador, aconteceu nos dias 7, 8 e 9 de novembro e teve como propósito promover um encontro entre os diferentes segmentos profissionais relacionados à indústria da pesca e aquicultura no Brasil. A Coopecon esteve presente no evento com um estande para a divulgação de seu trabalho e produtos para degustação. A marca da Cooperativa também esteve visível nas peças institucionais da Feira.

Da esquerda para a direita: Adélia Pinheiro e Gustavo Braga (UESC), Zenaide dos Santos (CFA), José Raimundo (Coopecon) e Maurício Almada (Walmart Brasil)


*Com informações do site da Aquapescabrasil e do Ministério da Pesca e Aquicultura.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital