15h19

Agricultores familiares são beneficiados com parceria

Empresa Baiana de Alimentos - Ebal firma acordo com Cooprap e comercializará vassouras produzidas no Baixo Sul da Bahia nas lojas da Cesta do Povo

Compartilhe
Tamanho do texto

Viabilizar a comercialização de produtos oriundos da agricultura familiar, contribuindo para ampliação de renda do homem do campo. É o que busca a parceria celebrada pela Superintendência da Agricultura Familiar, Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Reforma Agrária, Pesca e Aquicultura da Bahia e Empresa Baiana de Alimentos (Ebal) com 15 cooperativas e associações da Bahia. Entre elas está a Cooperativa das Produtoras e Produtores Rurais da Área de Proteção Ambiental do Pratigi (Cooprap).

Essa interação permite que as vassouras fabricadas em Nilo Peçanha, no Baixo Sul da Bahia, sejam comercializadas nas 289 lojas da rede Cesta do Povo, administradas pela Ebal e localizadas em 236 municípios do Estado. Para o Presidente da Ebal, Eduardo Sampaio, o trabalho em conjunto vai gerar benefícios para todos. “As pessoas vão levar para casa produtos de qualidade, com preços atrativos e a garantia de que estão contribuindo com a melhoria da renda de famílias que vivem do campo”, assegura.

Segundo o Secretário da Agricultura, Eduardo Salles, a ação beneficia diretamente mais de dez mil trabalhadores da zona rural, por meio da distribuição de mais de 40 artigos. “Com a venda, os agricultores serão remunerados de forma justa”.

André dos Santos, vice-presidente da Cooprap, acredita que a ação é um importante passo rumo ao desenvolvimento da Cooperativa. “As vendas na Cesta do Povo vão ampliar a nossa presença em outras redes locais”, acredita Santos, que também é ex-aluno da Casa Familiar Agroflorestal, unidade de ensino que, assim como a Cooprap, faz parte do Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade do Mosaico de Áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia (PDCIS), fomentado pela Fundação Odebrecht e parceiros públicos e privados.

No mês de setembro, mais de 13 mil vassouras foram comercializadas pela Cooprap, que fará a distribuição de acordo com a demanda da Ebal. A iniciativa envolve também a campanha publicitária “Tá na Cesta, tá na boa”. A cada 15 dias um conjunto de ações, entre comerciais na TV e Rádio, cartazes e carros de som, estimulam a venda dos produtos nos supermercados.

*Com informações do Diário Oficial da Bahia

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital