14h54

Saúde na panela

Saiba mais sobre os benefícios do aipim, alimento que é fonte de fibras e vitaminas B e C. Aprenda também uma receita deliciosa de bolo

Compartilhe
Tamanho do texto

Você sabe a diferença entre o aipim e a mandioca? Em algumas regiões eles também são conhecidos como mandioquinha e macaxeira, maniva e castelinha, e são símbolos da culinária nordestina. O primeiro é rico em carboidratos e fibras, podendo substituir o pão, batata e macarrão em uma refeição. Já a mandioca pode ser consumida somente após passar por vários processos industriais para retirada do ácido cianídrico, substância que pode causar danos à saúde. é dela que se obtém a farinha, a goma e tapioca.

O aipim é fonte de fibras e isento de glúten. Seu carboidrato é transformado em energia e por isso está sempre presente na dieta de atletas. “Na medida certa, seu consumo aumenta a saciedade e reduz os efeitos negativos do stress”, esclarece a nutricionista Andréia Calazans, que complementa: “a raiz aumenta os níveis de serotonina, neurotransmissor que age nas regiões do cérebro responsáveis pela sensação do bem–estar”.

O alimento também é rico em vitaminas C e complexo B, que tem benefícios variados. Andréia alerta que o teor de proteína do aipim é muito baixo, portanto, a ingestão deve ser completada a partir de outras fontes alimentares.


Associados da Coopatan cultivam aipim e mandioca no Baixo Sul da Bahia


Um dos produtores baianos de aipim é a Cooperativa de Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves (Coopatan), responsável pelo fornecimento desta raiz para grandes redes varejistas. “A mandioca também é cultivada por nossos cooperados e transformada em massa de puba e goma”, afirma Juscelino Macedo, Coordenador do Negócio Mandioca e Fruticultura.

Para verificar a qualidade do produto, Andréia indica que o consumidor observe sua coloração. “O aipim não deve apresentar manchas e sua casca soltar com facilidade. Geralmente eles são vendidos com a ponta cortada para que esses detalhes sejam verificados. Também é possível encontrar o aipim já descascado embalado a vácuo”, diz.

A Coopatan faz parte do Pacto de Governança do Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade do Mosaico de áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia (PDCIS), apoiado pela Fundação Odebrecht e parceiros públicos e privados.

Clique aqui e aprenda uma receita de bolo de aipim com coco.

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital