08h00

Saiba mais sobre a farinha de mandioca

Comercializada pela Coopatan e amplamente utilizada na culinária baiana, o produto pode dar origem a uma grande variedade de receitas

Compartilhe
Tamanho do texto

De trigo, aveia, centeio, milho ou mandioca. Obtidas através da moagem de vegetais ou cereais, as farinhas estão presentes no cardápio dos brasileiros em diversas formas. Para os baianos, a de mandioca é uma das preferidas e mais consumidas. “Ela contém alto teor de carboidrato, servindo como rápida fonte de energia. Para os amantes deste produto, o segredo é colocá-la no prato no lugar de outro alimento do mesmo grupo, como arroz, pão, macarrão ou batata”, afirma a nutricionista responsável pelo restaurante do Edifício Sede da Odebrecht em Salvador, Ava Mesquita.

Com a farinha de mandioca, é possível preparar receitas como farofa, pirão e até o tradicional vatapá, prato típico da culinária baiana. Ela também pode ser utilizada para fazer bolos quando misturada com outros ingredientes. Porém, mesmo sendo fabricada de um alimento rico em fibras e que oferece energia de forma gradativa para o corpo, Ava explica: “o processo de refinamento da mandioca em farinha reduz o teor de fibras do produto, por isso, o uso deve ser moderado”. 

No restaurante do Edifício Sede da Odebrecht em Salvador, a farinha de mandioca utilizada vem da Cooperativa de Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves (Coopatan) e é parte fundamental do cardápio diário, como na preparação do tutu e feijão tropeiro.


Farinha comercializada pela Coopatan

A Coopatan faz parte do Pacto de Governança do Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade do Mosaico de áreas de Proteção Ambiental do Baixo Sul da Bahia (PDCIS), apoiado pela Fundação Odebrecht e parceiros públicos e privados, e finalizou 2014 com uma produção industrial de 755 toneladas de farinha de mandioca dos tipos branca e amarela.

Para saber onde comprar a farinha produzida pela cooperativa, clique aqui.

 

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital