09h02

A força da agricultura familiar – Dia do Trabalhador Rural

Em homenagem à data, confira a história de uma família de produtores de Presidente Tancredo Neves que cultiva a força e colhe o desenvolvimento em sua região

Compartilhe
Tamanho do texto

A agricultura familiar pode parecer simples na nomenclatura, mas a sua atividade econômica vem ganhando forças no abastecimento interno do país. é o que mostra alguns dados do Ministério da Agricultura, que a aponta como responsável por 70% dos produtos rurais que estão na mesa dos brasileiros. Na Bahia, a produção de farinha, por exemplo, atinge a marca de 91%.

Em Presidente Tancredo Neves, uma família de produtores rurais trabalha em conjunto para o fortalecimento da agricultura na sua região. Na propriedade de 6 hectares de Dona Miralva e Seu Vanderley dos Santos, a produção de banana-da-terra, aipim e mandioca é cultivada com a ajuda do filho Joivan dos Santos. O jovem de 17 anos estuda na Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves (CFR-PTN), instituição apoiada pela Fundação Odebrecht, e aprende novas tecnologias e formas sustentáveis para auxiliar o desenvolvimento das plantações. Mas, segundo ele, sua contribuição só foi reconhecida aos poucos. “Meus pais tiveram resistência em aceitar as novidades que trago da Casa Familiar. Hoje, eles notam a diferença que certas ações podem fazer em nossa produção agrícola”, conta orgulhoso. 


Miralva, Joivan e Vanderley estão construindo, juntos, um futuro
promissor no campo 


Miralva, a mãe, não esconde que o trabalho em conjunto com o filho agregou em termos de qualidade dos produtos e de informação sobre as novas tendências da agricultura. “Ficamos cientes do que há de mais eficiente para cada tipo de cultivo. Todos participam e, juntos, estamos construindo um futuro muito promissor”, afirma. Ela é associada à Cooperativa de Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves (Coopatan), que beneficia e agrega valor aos produtos da família, garantindo uma renda segura todo mês.

Dia do Trabalhador Rural

No Brasil, a comemoração do Dia do Trabalhador Rural foi instituída no Decreto de Lei nº 4.338, de 1º de Maio de 1964. Trata-se de uma homenagem a figura de Fernando Ferrari, um dos políticos mais engajados na luta dos trabalhadores rurais por seus direitos e questões sociais que falecera no dia 25 de Maio de 1963.


Nildo Costa do Nascimento (foto ao lado) é o personagem do banner da Fundação Odebrecht em comemoração à data. Formado na CFR-PTN e associado à Coopatan, ele também é um exemplo de agricultor que cultiva a força e colhe o desenvolvimento: “Temos tudo o que precisamos para nos desenvolver no campo. Sem garra e força de vontade, ninguém alcança os seus objetivos”, afirma.
 
 
 
 
 
 
Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital