16h56

Atitude que transforma

Adolescentes compartilham experiências e histórias de vida sobre o apoio do Programa Tributo ao Futuro. Assista os vídeos e veja como suas realidades estão mudando positivamente

Compartilhe
Tamanho do texto

Dois adolescentes, muitas histórias de transformação social para contar. Como parte da campanha lançada em 1º de setembro, o Programa Tributo ao Futuro, da Fundação Odebrecht, lançou dois vídeos que apresentam o impacto que a oferta de oportunidades de educação e de condições para o exercício pleno da cidadania promovem a crianças e adolescentes.

Um exemplo é de Patrícia dos Santos, 16 anos, aluna do terceiro ano da Casa Familiar Agroflorestal, instituição que integra o Programa PDCIS, também uma iniciativa da Fundação Odebrecht. Segundo a adolescente, ela está ganhando experiência para viver da agricultura e está mudando a sua realidade. “O primeiro bem que a gente adquire é o conhecimento. Logo de início, quando vamos implantar um projeto produtivo, sabemos que vai ser de sucesso, pois já começamos com gosto, fazendo o certo”, disse.

Patrícia dos Santos está ganhando experiência para viver da agricultura e está mudando a sua realidade

Já Leonardo dos Santos, 18 anos, é ex-aluno da Casa Familiar Rural de Igrapiúna, instituição também apoiada pela Fundação Odebrecht. Hoje, é um empresário rural. “Essa educação foi tudo. Antes, pensava até em ir embora. Mas agora quero crescer e ser um grande produtor, mostrar para outras pessoas que é possível ser feliz em nossa comunidade. O futuro, começamos a construir. Me sinto preparado!”, afirmou.

Leonardo dos Santos: "O futuro, começamos a construir. Me sinto preparado"

Até dezembro, outras histórias de transformação social serão divulgadas. Aguarde!

Programa Tributo ao Futuro
O apoio do Programa Tributo ao Futuro, realizado a partir da contribuição de parceiros sociais - integrantes da Organização Odebrecht, demais cidadãos e empresas (com ou sem destinação de Imposto de Renda), é depositado diretamente nos Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA), que são administrados pelos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), órgãos parceiros. Assim, são criadas oportunidades para o acesso a uma educação contextualizada, com condições para que os beneficiários se desenvolvam integralmente como Seres Humanos, contribuindo para a transformação social de suas comunidades e das futuras gerações.

Newsletter
Receba nossas novidades
Basta informar seu nome e melhor e-mail.
preload
2018 - 2020. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital