11h40

Apoio fortalecido

Projetos de Casas Familiares apoiadas pela Fundação Odebrecht são selecionados em editais da Fundação Banco do Brasil, BNDES e Banco do Nordeste

Compartilhe
Tamanho do texto

Duas unidades de ensino que fazem parte do Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade - PDCIS, da Fundação Odebrecht, receberam com alegria a notícia do apoio de grandes bancos do País. O projeto voltado à Apicultura, da Casa Familiar Agroflorestal (Cfaf), foi uma das 51 propostas habilitadas pelo Edital Juventude Rural 2015/16, da Fundação Banco do Brasil em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), cujo o objetivo é fortalecer a autonomia econômica e social da juventude rural de base familiar. Já a Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves (CFR-PTN) foi selecionada no Edital para captação de recursos do Fundo da Infância e Adolescência (FIA)/2015, do Banco do Nordeste (BNB), com o Projeto de Formação de Adolescentes Futuros Empresários Rurais. A iniciativa está alinhada às Diretrizes de Atuação Socioambiental e ao Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente, do Governo Federal.


Serão destinados R$ 72.258,00 para o projeto da Cfaf, que será executado em 18 meses pela instituição e beneficiará alunos e jovens que já concluíram o curso de Educação Profissional Técnica em Florestas integrado ao Ensino Médio, além de apicultores da região, por meio do estímulo à criação de uma associação comunitária. Segundo Rita Cardoso, Diretora da Cfaf, a aprovação no edital é de grande importância, pois o investimento possibilitará a formação e instrumentalização da atividade apícola, gerando um acréscimo de renda. “Isso irá fortalecer a autonomia econômica e social das famílias através da produção racional de mel de abelha e seus derivados”, afirmou.


Na Cfaf, a apicultura faz parte da matriz curricular dos estudantes

Para a CFR-PTN, o apoio do Banco do Nordeste será de R$ 75.000,00 para o projeto que é chancelado pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do município de Presidente Tancredo Neves e é apoiado pelo Programa Tributo ao Futuro, da Fundação Odebrecht. Por meio da iniciativa, adolescentes, futuros empresários rurais, desenvolvem competências socioeducativas e habilidades técnicas que lhes permitem dominar tecnologias aplicadas à produção no campo e negócios agrícolas, com viabilidade econômica, social e ambiental. “O projeto forma líderes nas comunidades que compartilham conhecimentos e que falam da importância que a agricultura pode proporcionar”, ressaltou o jovem Elsiel Hungria, formado pela CFR-PTN e que já foi beneficiado pelo Programa Tributo ao Futuro.

 

 

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital