08h42

Capacitação e transferência de tecnologias

Confira como foram as agendas do mês de maio de instituições que integram o Programa PDCIS, da Fundação Odebrecht

Compartilhe
Tamanho do texto

Capacitação e transferência de tecnologias foram as palavras que marcaram o mês de maio nas instituições que integram o Programa PDCIS, da Fundação Odebrecht. Confira:

05 de maio:  a CFR-PTN recebeu a visita de 13 alunos do Curso de Bacharelado em Zootecnia do Instituto Federal Baiano (IFBA) - Campus Santa Inês. O objetivo foi a troca de conhecimentos sobre o ensino e aprendizagem, característico da Pedagogia da Alternância. “Fiquei conhecendo o projeto através de uma matéria no Jornal Correio*. Achei muito interessante e mostrei para as minhas turmas de ensino técnico e superior. Todos ficaram interessados em conhecer a instituição presencialmente”, afirmou Elma Amparo, professora de Administração da instituição.

Os estudantes também conheceram a Coopatan, observando como acontece o processamento da mandioca até o produto final. “A característica empresarial que percebemos aqui é visível a todos. Jovens transformados e inseridos em um ambiente de trabalho, com comprometimento e responsabilidade, se tornando empresários e empreendedores ainda bem jovens, tornando-se agentes transformadores da sua realidade”, concluiu o aluno do IFBA, Lúcio Cunha.


Estudantes do IFBA estiverem na CFR-PTN

15 de maio: representantes da Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves (CFR-PTN) e da Cooperativa dos Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves (Coopatan) participaram da 3ª Festa dos Produtores Rurais da comunidade do Palma, município de Jaguaripe (BA). Eles montaram um estande com algumas variedades de mandioca, sementes de abacaxi imperial e demais produtos comercializados pela Cooperativa. Novas informações sobre as culturas foram transmitidas de maneira a despertar nos gestores escolares e nos agricultores presentes o desejo de conhecer de perto as atividades desenvolvidas pelas instituições.

Jaqueline Primo, professora e moradora da Vila de Cunhangi Palma, município de Jaguaripe, passou pelo estande e deixou o seu depoimento. “As informações sobre a mandiocultura tornam possível a diversificação e o crescimento da produção. A comunidade agradece por tudo que nos foi proporcionado através dessa exposição”.


Estande da Coopatan 

18 a 20 de maio: monitores da Casa Familiar Rural de Igrapiúna (CFR-I), da Casa Familiar das águas (CFA) e Assistentes Educadores da Cooperativa dos Produtores de Palmito do Baixo Sul da Bahia (Coopalm) participaram, na sede da CFR-I, de um curso de instrução sobre o GPS (sistema de navegação por satélite), ministrado pelo SENAR– Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Gandu (BA).

“Além de otimizar a identificação da rota de chegada às propriedades dos jovens estudantes, o conhecimento no manuseio do GPS nos possibilitará mapear as áreas de preservação ambiental e o cálculo das áreas de implantação dos projetos educativos”, comentou Luana Cerqueira, monitora do terceiro ano da CFR-I. Para o educador da CFA, Fabio dos Santos, o curso foi de grande utilidade. “O equipamento nos ajudará no mapeamento das represas, possibilitando identificar até mesmo a quantidade de peixes a ser criado de acordo com a lâmina d’água disponível”.


Monitores e assistentes educacionais participaram de instrução sobre o GPS
 

 

 

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital