16h58

Trilhando o próprio caminho

Projeto apoiado pelo Programa Tributo ao Futuro – Novas Gerações estimula o protagonismo juvenil e a formação socioprofissional

Compartilhe
Tamanho do texto

A adolescência é marcada por descobertas, incertezas e escolhas importantes, como a busca pelo autoconhecimento e a reflexão acerca da carreira profissional. Pensando neste público, o Instituto Direito e Cidadania (IDC) criou, em 2010, o projeto Trilhando Caminhos, que busca desenvolver a formação humana, crítica, cidadã e profissional de estudantes do município de Presidente Tancredo Neves, na Bahia, conscientizando-os do seu papel enquanto agentes de transformação social. Apoiada pelo Programa Tributo ao Futuro – Novas Gerações, da Fundação Odebrecht, a iniciativa já beneficiou mais de 270 adolescentes entre 14 e 17 anos.

“Auxiliamos para que eles passem a adquirir um conhecimento ajustado de si mesmos, o que implica descobrir-se, aceitar-se e compreender-se enquanto sujeito histórico inserido em um contexto social’, afirmou Neméia Aiêxa, Coordenadora do Projeto. O período de formação dura dois anos e alia atividades em sala de aula e ações que estimulam o voluntariado. No período de conclusão, os estudantes são desafiados a organizarem-se em grupos e planejar Ações protagonistas para benefício de crianças e adolescentes do município, visando a prática do Protagonismo Juvenil e da responsabilidade social.

Em 2016, aproximadamente 180 pessoas foram atingidas pelas ações voluntárias e cerca de 99 oficinas socieoeducativas foram realizadas para as duas turmas em curso, cada uma com 30 alunos. Visitas profissionais e cursos profissionalizantes também fazem parte da rotina dos beneficiários. “Estimulamos que o jovem seja protagonista do seu próprio destino. Aquele que, independente das situações adversas, considera-se o ator principal do processo de mudanças, acredita no seu potencial e tem esperança”, completou Neméia.

David Pereira, 15 anos, participou do Trilhando Caminhos e contou que a experiência transformou sua visão de mundo. “Ensinou a descobrir quem eu sou, a ter autoconfiança. Hoje sou comprometido com os direitos humanos e já vejo os resultados acontecendo no meu dia a dia”, disse. Em fevereiro de 2016, ele participou da 10ª Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, em Brasília, promovida pelo Governo Federal. “Pude representar meu município e conhecer pessoas e posicionamentos diferentes, todos interessados em contribuir para o desenvolvimento de uma sociedade mais justa e igualitária”, ressaltou.



Para a execução do Trilhando Caminhos e a transformação positiva da realidade das novas gerações como David, o IDC conta com a parceria do Programa Tributo ao Futuro – Novas Gerações, por meio de doações ou a partir da destinação de parte do Imposto de Renda (IR). Destinados diretamente a Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA), geridos pelos respectivos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), os valores são repassados ao IDC pelo Poder Executivo Municipal.

Clique aqui e saiba como você pode apoiar este projeto!

Clicando aqui, você pode acompanhar os relatórios dos projetos executados. Confira! 

 

 

Newsletter
Quer apoiar nossa causa?
Cadastre nome e e-mail e aguarde nosso contato.
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital