14h34

Prestação de contas

Programa Tributo ao Futuro - Novas Gerações: cerca de 300 crianças e adolescentes foram diretamente beneficiados com projetos educacionais no primeiro semestre deste ano

Compartilhe
Tamanho do texto

O engajamento dos mais de seis mil participantes da Campanha 2016/17 do Programa Tributo ao Futuro – Novas Gerações, que arrecadou o valor de R$ 3,3 milhões, aliado a grandes parceiros sociais, permitiu que centenas de crianças e adolescentes tivessem acesso a projetos educacionais. Foram 299 beneficiários diretos e 5.560 mil pessoas beneficiadas indiretamente no primeiro semestre deste ano, contemplando 150 comunidades de 15 municípios baianos. O programa é coordando pela Fundação Odebrecht.

A prestação de contas (clique aqui e confira) também mostra que mais de 88 toneladas de alimentos como banana, mandioca e peixe foram cultivadas por adolescentes através dos 145 Projetos Educativo-Produtivos (PEPs) realizados. Os PEPs são atividades que integram o currículo escolar das unidades de ensino que executam os projetos e permitem, através da experiência do plantio monitorado pelas instituições, que eles desenvolvam competências e habilidades técnicas para que dominem tecnologias aplicadas à produção no campo, com viabilidade econômica, social e ambiental, e assumam a liderança de processos sociais e produtivos em suas comunidades.

São adolescentes como João Pedro Barreto, 15 anos. Aluno de uma das Casas Familiares que fazem parte do Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS), ele se vê cada dia mais estimulado a permanecer no campo com os resultados da sua pequena produção. “Tenho 1 hectare de banana e 1 de mandioca que estão evoluindo melhor do que o previsto”, conta. João também dissemina os conhecimentos aprendidos para a comunidade por meio de seminários rurais. Neste ano, já foram realizadas 148 ações como esta, além de 60 dias de campo e capacitações.


As Casas Familiares que executam os projetos aliam teoria e prática
para um ensino contextualizado ao campo

Ao longo do ano, é possível acompanhar os resultados dos projetos apoiados através dos canais digitais da Fundação Odebrecht. “Essa prestação de contas é uma etapa muito importante de todo o ciclo, pois mantemos um diálogo transparente com o investidor social, respeitando o seu direito de conhecer os resultados tangíveis e intangíveis gerados pelo seu investimento”, afirmou Cristiane do Nascimento, responsável pelo Tributo ao Futuro.

Você sabia?

Os recursos que você doa ou destina, por meio do Tributo ao Futuro, vão direto para o Fundo da Infância e da Adolescência dos municípios, através do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, que repassa o valor captado a projetos voltados para a promoção e defesa dos direitos desse público.

é possível fazer mais!

Em breve, a Campanha 2017/18 do Tributo ao Futuro irá começar. Neste ano, você poderá contribuir com um dos três projetos de Formação de Adolescentes Futuros Empresários Rurais promovidos pelas Casas Familiares que fazem parte do PDCIS, idealizado e fomentado pela Fundação no Baixo Sul da Bahia. Mantenha-se informado nos canais digitais da Fundação como o Facebook!

 

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital