08h00

Ações em prol do meio ambiente

Organização de Conservação da Terra (OCT) firma parceria com a Braskem para restauração de nascentes no Rio Oricó

Compartilhe
Tamanho do texto

A fim de beneficiar cada vez mais pequenos agricultores, a Organização de Conservação da Terra (OCT) firmou uma nova parceria com a Braskem. Intitulado “Nascentes do Rio Oricó”, o projeto fruto desta associação prevê a restauração de 112 nascentes em 50 propriedades rurais na extensão deste rio, localizado no município de Ibirapitanga, no Baixo Sul da Bahia, região onde a OCT atua hoje.

Uma das instituições executoras do Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS), criado e coordenado pela Fundação Odebrecht, a OCT trabalha ao lado de produtores rurais em prol da conservação ambiental e produtiva dos recursos naturais. “Com mais esse apoio, passamos a atuar de forma mais completa, em outras comunidades e beneficiando mais pessoas”, explica Bruna Sobral, responsável por Planejamento Socioambiental na OCT. Segundo ela, os compromissos assumidos a partir da colaboração da Braskem estão em execução desde o final de 2018, quando a foi assinado o contrato, e seguirão até o final de 2021. 

Parceria vai possibilitar que 112 nascentes
sejam restauradas no Baixo Sul da Bahia

O investimento tem o valor total de R$ 723.407,60. Além da restauração das nascentes nos imóveis rurais beneficiados, serão feitos os cadastros no Sistema Estadual de Informações Ambientais e de Recursos Hídricos (Seia) e no Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefir) dos agricultores, bem como o Planejamento Integrado das Propriedades (PIP).

De acordo com Rogério Ribeiro, coordenador da Conservação Ambiental da OCT, a instituição está atualmente em processo de mapeamento das nascentes. Até agora, 40 delas já foram georreferenciadas em 24 imóveis rurais. “Nossa ideia é, até o início de março, finalizar essa seleção e começar o plantio das mudas. O trabalho é feito em quatro fases: identificação das áreas a serem reflorestadas, implantação, manutenção e, depois, monitoramento. Estas atividades consolidam a restauração e garantem o compromisso firmado”, explica.

O projeto é uma estratégia para alcançar as metas pactuadas no âmbito do programa municipal “Produtor de Águas” de Ibirapitanga, que visa o restabelecimento dos recursos hídricos do Rio Oricó, contribuindo para o resgate da paisagem natural da Área de Proteção Ambiental (APA) do Pratigi, no Baixo Sul. “Com mais essa parceria, a Braskem oportuniza a OCT a recuperação de 112 nascentes. Combinada com outras ações de conservação ambiental que temos na região, consolida uma atuação integral no sentido da sustentabilidade socioeconômica e ambiental para as comunidades”, comenta Joaquim Cardoso, Diretor Executivo da OCT.
 

Receba nossas novidades:
Basta informar seu nome e melhor e-mail!
preload
2018 - 2019. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital