10h00

Casa Familiar é destaque em programa da Rede Globo

No último sábado (19), aluno de escola parceira da Fundação Odebrecht participou do programa É de Casa

Compartilhe
Tamanho do texto

Aluno do 3º ano da Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves (CFR-PTN), Magnison dos Santos foi destaque na edição do último sábado (19) do programa É de Casa, exibido pela Rede Globo. Em bate-papo com a apresentadora Ana Furtado, o jovem falou sobre sua rotina na escola, o que produz com a família e como, a partir da cultura da doação, jovens como ele têm seus sonhos realizados na zona rural. 
 
Com apenas 17 anos, Magnison já iniciou no empresariamento rural junto à família, no Baixo Sul da Bahia, por meio dos cultivos de banana e cacau. Na CFR-PTN, escola parceira da Fundação Odebrecht na execução do seu Programa Social, o PDCIS, o adolescente tem acesso à novas tecnologias, manejos agrícolas e conhecimentos que viabilizam uma vida melhor no campo. Por conta do trabalho que realiza com jovens do Baixo Sul, a CFR-PTN foi recentemente selecionada para receber recursos do Criança Esperança, iniciativa da Rede Globo em parceria com a UNESCO, em 2021.

Magnison dos Santos participou do quadro Viva o Verde durante programa É de Casa

“Para a gente que recebe as doações é muito importante porque as realidades mudam mesmo, é um programa muito lindo que, de doar já é bonito, imagine de participar desse projeto. É muito importante para o jovem ver uma pessoa doando e dizendo que acredita em você e na sua história”, disse Magnison ao longo do programa É de Casa.

Ao conhecer mais sobre a vivência de Magnison na Casa Familiar, a apresentadora Ana Furtado ficou emocionada. “Percebo que você fica tão empolgado de falar, então tenho certeza de que o projeto mudou a sua vida. É muito importante a gente apresentar você e sua história aqui porque o Criança Esperança está completando 35 anos. Independentemente do valor que a pessoa doe, esse pequeno gesto pode transformar a vida de alguém como já transformou a sua”, pontuou.

Magnison participou de dois quadros do programa, ambos com o engenheiro florestal Murilo Soares. Em um momento de troca com o estudante, Murilo ensinou como implementar o gengibre junto com a banana e o cacau que o jovem já cultiva em sua propriedade.

Para conferir as interações completas do estudante durante o programa É de Casa, confira os links abaixo: 

Newsletter
Receba nossas novidades
Basta informar seu nome e melhor e-mail.
preload
2018 - 2020. Fundação Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital